AMAZÔNIA
Coração verde do Brasil

5 milhões de km2 de pura natureza; 30 milhões de espécies de plantas, sendo boa parte delas medicinais; entre 2500 e 3000 diferentes qualidades de peixes; cerca de 550 tipos de pássaros; 324 mamíferos identificados por biólogos e pesquisadores; 20% de toda a água doce do planeta, mantida no maior arquipélago fluvial do mundo, aonde figura também o mais extenso e mais volumoso rio do globo, o Amazonas. Essa é a Amazônia, o maior patrimônio ecológico do planeta, que recebe 400 mil turistas por ano.

 


CHAPADA DIAMANTINA – BA
Beleza naturalmente brasileira

Contando com uma vasta diversidade de belezas naturais, o que inclui canyons, chapadões, vales, morros, cavernas, precipícios, campos cobertos de vegetação, e lagoas de água cristalina, a Chapada Diamantina tem 84 mil km2 de belezas naturais, pertencentes ao Parque Nacional da Chapada Diamantina, uma reserva de 152 mil hectares de natureza em sua forma mais pura. Um verdadeiro Santuário Ecológico. Os pássaros, as flores, as formas e as cores encantam, e a grandiosidade chega a assustar.

 


LENÇÓIS MARANHENSES – MA
Saara Brasileiro

Também conhecido como “Miragem maranhense”, os Lençóis Maranhenses, pertencentes ao município de Barreirinhas, que fica a 370km da capital do Maranhão, São Luís, vem se tornando um ponto turístico de importância acentuada e crescente nos últimos tempos. O encanto dessa, que é com certeza uma das mais belas paisagens brasileiras, vem encontrando apoio e incentivo, além da admiração dos turistas, tornando-se assim muito procurada.

 


BONITO – MS
Mato Grosso do Sul
Distando 290km de Campo Grande, que além de capital do MS é o principal ponto de partida dos turistas, Bonito, que pode ser acessada de carro, ônibus ou mesmo aviões monomotores, é um paraíso de águas cristalinas e frescas, habitadas por peixinhos coloridos e brincalhões, e um ecossistema invejavelmente intacto, graças à preservação e o cuidado que se tem em relação à toda beleza da cidade. O equilíbrio entre a exótica natureza local e o ser humano impressiona. A Multiplicidade de formas, cores, climas e sensações fascina. E as lembranças desse incrível passeio, com certeza ficarão gravadas na memória dos amantes da natureza.

Bonito é o exemplo perfeito de como infra-estrutura e diversão podem estar associados beneficamente à natureza: Todos os passeios, sejam eles de mergulho, rafting, caminhadas, trilhas, ou simples observação, são sempre muito bem assessorados por instrutores, que além de estarem fazendo com que o visitante consiga aproveitar ao máximo, estão cuidando para que não se cometa nenhuma infração contra o meio ambiente. O resultado é o melhor possível: Diversão e preservação tornam-se aliados.

 


CHAPADA DOS GUIMARÃES – MT
Cidade de Pedra regada à cachoeiras

Há 500 milhões de anos, o que hoje chamamos de Chapada dos Guimarães era uma imensa geleira. Ao se derreter, as águas que rumaram para o oceano esculpiram as formações rochosas que estavam em seu percurso, formando hoje, no coração do Brasil, um extenso deserto, magnífico por seus canyons, cavernas, cachoeiras, fósseis e campos cobertos da flora local, numa mistura inigualável de cores, sensações, e muita energia.

 


PANTANAL
Fauna e Flora em seus extremos de beleza

Tendo como símbolo o simpático Tuiuiú, o Pantanal Sul Mato-Grossense é uma das maiores reservas ambientais do mundo. Com uma incrível diversidade de plantas, e animais dos mais variados tipos, cores e tamanhos, o local encanta pela sua simplicidade mágica, pela harmonia entre humanos e os demais seres do ecossistema, e pela beleza divina concedida pela mãe natureza, que nos presenteia com surpresas de inigualável exuberância.

 


FERNANDO DE NORONHA
Tranquilidade Natural
Fernando de Noronha é o lugar ideal para quem quer conciliar um passeio cheio de natureza e tranqüilidade. Com belíssimas paisagens, águas cristalinas para mergulho, animais marinhos por toda a orla, areias macias e muito sol, o arquipélago, que ao todo conta com 21 ilhas de origem vulcânica na costa pernambucana do oceano Atlântico, chama atenção de turistas do mundo todo, e com certeza vai conquistar você.

Com 16 praias disponíveis, a Ilha principal é aonde os turistas (420 no máximo, por determinação do IBAMA, que visa preservar a fauna e flora do local) se hospedam. O melhor período para visitar o arquipélago é de abril a novembro, quando as águas são calmas e mais adequadas aos mergulhos. Em janeiro e fevereiro, os surfistas fazem a festa com as ondas que acabam por dominar o mar.

 


ABROLHOS – BA
Águas mornas e cristalinas para mergulho!

Imagine um paraíso das águas cristalinas, cheio de algas e peixinhos coloridos que vêm até você para brincar. Maravilhoso não? É, não pra todos…Abrolhos recebeu esse nome pois seu arquipélogo, a cerca de 66km da costa litorânea da Bahia, significava grande perigo aos navegantes que por ali passavam, e que portanto, tinham que estar sempre de olhos abertos. De qualquer forma, Abrolhos é, sim, um paraíso, de beleza indescritível!